Fundo de financiamento estudantil fechou só 16% dos 100 mil contratos a juro zero

O estudante, ao assinar o Fies no banco, recebe juntamente com o contrato, a simulação com uma projeção dos valores a serem pagos durante toda a vigência do contrato. Como o próprio nome diz, é somente uma simulação, não levando em conta o aumento de mensalidades e tampouco se o estudante usará o Fies 2020 por todos os períodos. O Simulador do Fies também está disponível na internet, entenda neste artigo como funciona e o passo a passo para utiliza-lo.

Como funciona o Simulador do Fies?

O Simulador do Fies pode ser acessado através da página oficial dentro do site do Fies que é: http://sisfiesportal.mec.gov.br/simulacao.php. Lá, o estudante poderá simular de forma segura os valores das prestações que deverão ser pagas durante as fases do financiamento do Fies, além de obter outros detalhes desse financiamento.

Valendo lembrar que, como a introdução da página do Simulador do Fies informa, o simulador tem caráter ilustrativo, cujo objetivo central é fornecer informações que se aproximem da sua dívida futura com o Fies, assim como sobre os recursos de forma geral que serão despendidos todos os meses para quitar essa dívida.

No Simulador Fies, quando você fizer a simulação, a data em que você a fez será considerada a de assinatura do contrato (lembre-se que é apenas uma simulação, não havendo compromisso ou termo de responsabilidade).

Outra coisa importante a lembrar, é que você deve informar dados precisos, pois o Simulador do Fies faz a simulação dos valores considerando inteiramente todos os dados que você fornece ao sistema naquela ocasião. A simulação do Fies, no final, é feita de forma simples e rápida, bastando depois de preencher o formulário com todos os dados pedidos, clicar em “Simular” no final da página.

Fies 2020 segundo semestre

O Ministério da Educação anunciou uma boa notícia para os alunos que não conseguiram se inscrever no Programa de Financiamento Estudantil do Governo Federal (Fies): haverá uma nova etapa no segundo semestre do ano. Ainda não saiu a data, mas pela primeira vez vai ser divulgado o número exato de vagas que estarão disponíveis.

Segundo o ministro da educação, Renato Janine Ribeiro, a segunda edição do Fies vai chegar cheia de novidades. Para começar, o Governo estabeleceu que vão ter prioridade no programa os cursos das áreas de engenharia, saúde e formação de professores, cursos com notas 4 e 5, as mais altas nos indicadores do MEC.

Além disso, os estudantes das regiões mais necessitadas do país, como Norte e Nordeste, também terão prioridade. A data de abertura das inscrições ainda não foi decidida. O MEC diz que primeiro vai encerrar o processo seletivo do Sisu, depois do Prouni e só aí o Fies entra na fila. Falta decidir também o número de vagas, mas nesse ponto outra mudança já foi confirmada: a quantidade total de vagas para o programa e por instituição de ensino vai ser divulgada com antecedência.

O Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) é um programa do Ministério da Educação destinado a financiar a graduação na educação superior de estudantes matriculados em instituições não gratuitas.

Financiamento estudantil sem fiador, como funciona?

Anteriormente o FIES exigia que os alunos tivessem um fiador, ele era quem ia garantir o pagamento daquele financiamento caso o aluno não efetuasse. Seria a função de um fiador como outro qualquer, assim como ocorre em muitos financiamentos, só que agora o programa não está exigindo isso mais.

Para participar do financiamento estudantil você não precisa, necessariamente, ter um fiador, essa exigência não está sendo cobrada mais. Porém ocorre que é necessário entender os requisitos e por que esse detalhe foi eliminado, esses requisitos são fundamentais a serem preenchidos, uma vez que não se cobra mais fiador.

Como Funciona o FIES sem Fiador?

Programa de financiamento estudantil não cobra mais a exigência de um fiador, mas para isso é necessário que o aluno tenha uma renda familiar que dê para efetuar o pagamento do mesmo. Essa é a exigência cobrada, ou seja, uma forma do banco de ter uma garantia de que vai receber de volta o valor financiado ao aluno.

Para realizar a inscrição FIES 2020 é necessário ter uma renda per capita de até um salário mínimo, essa é o requisito cobrado pelo programa para que não haja exigência de fiador. A renda per capita é calculada da seguinte forma, o salário de todos que trabalham na família é somado, e o valor total divido pelo número de componentes da família. Assim chega-se ao resultado, se essa renda é de até um salário mínimo ou não.

Como Calcular a Renda Per Capita da Família?

Abaixo deixamos um exemplo para que você entenda como funciona o cálculo desse percentual, veja só:

  • Se você mora em uma casa onde tem: seu pai, sua mãe e seu irmão;
  • Suponha que só os seus pais trabalham, você somará a renda dos dois e dividirá pelo total de pessoas que moram na casa, veja:
  • Renda do pai: R$1.800,00;
  • Renda da Mãe: R$1.200,00;
  • Total: 3.000,00;
  • Renda per capita: 3.000/4= 750,00.

Nesse exemplo acima o aluno estaria preenchendo o requisito para fazer o FIES sem fiador. Então veja quanto fica a renda na sua casa, basta fazer a alteração dos valores.

Inscrição no FIES sem Fiador

O processo para inscrição no programa sem o fiador é o mesmo, você entra no site, faz o cadastro, preenche as informações, depois leva na faculdade e depois leva no banco.

Não teve alteração significativa quanto ao processo de inscrição, e no ato da mesma é que o sistema vai perguntar para você se o financiamento será feito com ou sem fiador, e você escolherá a opção desejada. Esse requisito sempre foi um impedimento para muitas pessoas, por isso que o programa resolveu flexibilizar.

Maior programa de inclusão educacional do Brasil

O programa Educa Mais Brasil é o maior programa de inclusão educacional do Brasil, onde o candidato tem a oportunidade de adquirir bolsas de estudo e concede bolsas de até 70% de desconto na mensalidade do curso que o mesmo escolher. São excelentes as vantagens que o programa tem a oferecer e, além dessa vantagem, existe a alternativa de conseguir bolsas de estudo para aquelas pessoas que foram reprovadas pelo programa do Prouni 2020.

Educa Mais Brasil e Prouni

O programa Educa Mais Brasil tem a finalidade de dar maiores chances para que o estudante possa fazer um curso desejado em uma instituição não gratuita cujo o valor da sua mensalidade não pode ser paga por completo e, com isso, o aluno não pode fazer o curso. Porém, com o programa, desde que o aluno faça o curso em instituições que tenham sido aprovados pelos exames do MEC (Ministério da Educação) para avaliar a sua qualidade, poderá se inscrever e se beneficiar da vantagem de obter até 70% de bolsa de estudos.

Além do curso superior, podemos destacar que o programa Educa Mais Brasil dar à chance para os estudantes fazerem cursos nas mais de 10 mil instituições, dentre universidades, centros universitários, faculdades, colégios e escolas técnicas e que disponibilizam bolsas de estudo de até 70% para cursos de graduação, pós-graduação, ensino básico, cursos técnicos presenciais, cursos livres e idiomas.

Com isso, você pode perceber que o programa Educa Mais Brasil abrange uma vasta camada de pessoas e ajuda a realizar o sonho de inúmeros brasileiros que é o de se formarem e garantir um futuro mais promissor.

Inscrições Educa Mais Brasil 2020

A inscrição Educa Mais Brasil pode ser feita por qualquer pessoa e até mesmo aquelas que não conseguiram passar no processo seletivo do Prouni (Programa Universidade para Todos), onde o candidato tem condição de adquirir bolsas de até 100% baseado no quão bem foram no ENEM (Exame Nacional de Ensino Médio).

Vale a pena destacar que o programa Educa Mais Brasi não exige que o candidato tenha feito o ENEM, porém, será dada preferência e desempatará caso você estiver disputando vaga com outro candidato que o tenha feito.

Acesse o site https://www.educamaisbrasil.com.br e preencha o questionário socioeconômico com todos os seus dados corretos para não perder essa oportunidade e siga as instruções que serão dadas.

Como usar a nota do Exame Nacional do Ensino Médio

Resultado ENEM 2020 – Após a realização do Exame Nacional do Ensino Médio, o ENEM 2020, os candidatos a uma vaga de Ensino Superior deverão viver em um período considerado mais longo de expectativas e algo praticamente indefinido.

Entre as finalidades para os quais poderão ser utilizadas as notas do ENEM está o fato de selecionar vagas em universidades públicas através do Sistema de Seleção Unificada o SISU, as inscrições para este processo ocorrem apenas a partir de janeiro, ou o candidato poderá participar do Prouni.

A seguir iremos explicar detalhadamente como você pode fazer a consulta resultado ENEM para visualizar sua nota.

Resultado ENEM 2020

Saiba que os resultados do Exame Nacional do Ensino Médio ajudam a todos os estudantes, pais e professores a repensar sobre o aprendizado dos estudantes de ensino médio, o que poderá servir como uma forma de subsídio para o estabelecimento de estratégias em favor da melhoria de qualidade da educação.

Vale ressaltar que o resultado ENEM 2020 adquirido é diferente para cada candidato ao aplicar a nota no SiSU ou Prouni por exemplo, pois, para cada curso selecionado o peso da nota de uma determinada disciplina irá variar, por isso fique bastante atento ao calcular seu resultado.

Consulta Resultado

O resultado Enem é divulgado normalmente no mês de janeiro do próximo ano subsequente do Enem, e a prova é realizada geralmente nos meses de outubro. O portal do INEP (onde o candidato consulta o local de prova ENEM 2020), que pode ser acessado no site www.inep.gov.br divulga inicialmente o gabarito ENEM 2020 do processo de seleção e posteriormente o resultado.

Veja o passo a passo a seguir:

  • Siga para o site http://sistemasenem2.inep.gov.br/resultadosenem/;
  • Selecione o ano, junto preencha seu CPF;
  • Digite sua senha e o código de verificação;
  • Por fim, clique em “Entrar”

Após ter o resultado ENEM em mãos, no próprio site do INEP (mesmo site onde é feita as inscrições ENEM 2020) o candidato poderá visualizar se as suas três opções de instituições de ensino, tiveram a sua nota do Enem atingida compatível, se sim, você poderá se candidatar as oportunidades e aguardar, caso não tenha a nota compatível, você não precisa desistir, poderá concorrer a vagas em instituições que tenham notas menores, compatíveis com a que você atingiu no ENEM, o site automaticamente divulga as possibilidades para você.

Como aplicar o resultado do Enem para entrar na universidade?

O portal do INEP oferece aos usuários uma série de possibilidades, como citado anteriormente, se você se candidatou a algumas vagas e cursos distintos, e conseguiu atingir a nota exigida pela instituição, excelente, agora você poderá se candidatar ao processo de seleção que irá analisar as notas dos candidatos e a renda dos mesmos dependendo da bolsa escolhida.

Agora, se você conquistou uma nova inferior a das instituições que você se candidatou para realizar seu curso superior, é possível verificar as notas, pesquisar os resultados por faculdades e por cursos no site, e encontrar a melhor possibilidade de acordo com a sua necessidade.

Dependendo da nota obtida, surgem diversas possibilidades para que você possa estudar, contando inclusive com instituições que oferecem ensino à distância dependendo de sua área de interesse. Por isso, oportunidades é o que não falta através do portal do INEP, o Governo Federal vem estimulando fortemente os estudantes a participar do ENEM, o que inclusive é possível realizar de forma gratuita. O Prouni oferece também aos participantes uma série de possibilidades, por isso para que você posa tirar todas as suas dúvidas agora mesmo, consulte o portal do INEP no endereço www.inep.gov.br e consulte todo o regulamento do processo de seleção do ENEM.

INEP abre consulta ao cartão de confirmação do Encceja

Cartão de Confirmação de Inscrição deverá chegar ao endereço dos Inscritos no ENCCEJA até 02 de fevereiro de 2020.

 As inscrições do ENCCEJA 2020 estão prorrogadas até 30 de novembro de 2020. Portanto o pessoal ainda está fazendo as inscrições. Os inscritos vão ter até dia 02/02/09 para que o Cartão de Confirmação chegue por meio dos Correios ao endereço informado pelo inscrito na hora da Inscrição. Caso o Cartão não chegue até esse prazo, a pessoa deverá entrar em contato com o INEP, através do telefone do Fala Brasil : 0800 – 616161

A aplicação da prova também teve a data alterada. A previsão é de que aconteça em 21 de fevereiro de 2020.

Saiba que matéria vai cair e onde conseguir material para estudar.

A matéria de estudo para os estudantes que vão prestar o exame do ENCCEJA 2020/2020 pode ser encontrada aqui GRÁTIS.

Baixe os livros de estudo e se prepare para o Exame Nacional de Competências de Jovens e Adultos – ENCCEJA – 2019/2020 –

Estes livros são disponibilizados GRATUITAMENTE pelo MEC/INEP para que os estudantes possam se preparar para fazer as provas. Você pode imprimi-los ou estudar no próprio computador.

Livro do Estudante – Ensino Fundamental ENCCEJA.

  • Ciências – BAIXE AQUI.
  • História e Geografia – BAIXE AQUI.
  • Língua Portuguesa – BAIXE AQUI.
  • Matemática – BAIXE AQUI.

Onde e como pegar Certificado do ENCCEJA 2020 no RJ.

Quem fez o ENCCEJA 2020 e ainda não conseguiu pegar o Diploma/Certificado, pode fazê-lo no Rio Poupa Tempo de Bangu.

 Os estudantes que fizeram o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (ENCCEJA) em 2020 e ainda não obtiveram seu certificado de aprovação, têm a opção fazer o requerimento na hora, no posto POUPA TEMPO que fica no Bangu Shopping – no bairro de Bangu.

A intenção da SEEDUC RJ é agilizar o processo para que o documento seja retirado pelo estudante, no posto, antes do prazo legal de 120 dias.

Compra coletiva para casamento

Bem, com certeza o casamento é uma (senão A) das datas mais importantes da vida de qualquer pessoa. É neste momento que a pessoa decidiu formar uma família e possivelmente ter filhos.

Neste artigo vamos falar um pouco sobre como funciona a compra coletiva de casamentos.

Compra coletiva para casamento

Bem, se você finalmente encontrou o seu príncipe encantado e deseja se casar com tudo que lhe é de direito, uma boa alternativa é fazer a compra do seu casamento através dos sites de compra coletiva.

Para quem não sabe, os sites de compra coletiva apareceram a pouco mais de um ano no Brasil. Eles tem como principal finalidade conseguir vários compradores de uma determinada oferta. Se existirem compradores suficientes a oferta é valida e é ativada. É a chamada compra em grupo. Para se ter uma ideia, é possível conseguir descontos de até 90% em determinados produtos utilizando os sites de compras coletivas.

Já existem sites de compra coletiva para praticamente qualquer nicho. E é claro que o nicho casamento não poderia ficar de fora. O mecanismo de funcionamento ode um site de compra coletiva de casamento é bem parecido com o sistema de funcionamento dos sites de compra coletiva convencionais.

O principal site de compras coletivas na ativa atualmente é o famoso groupon.com . Nele você poderá encontrar diariamente várias ofertas que podem ou não ser relacionadas a casamento. Uma dica é você se cadastrar e ficar monitorando, em busca de uma oferta que pode ser útil para você.

Um outro site muito desconhecido neste meio é o Noivas Urbano. Este sim é um site especializado em compra coletiva de casamento. Se você vai se casar em breve, a compra neste site é praticamente indispensável.

Abaixo você tem um link com os sites de compra coletiva de casamentos.

Groupon >>

Bom, agora que você já sabe, vai ficar muito mais fácil e barato comprar o seu casamento.